fbpx
Home > Actividades > Expedições > Mauritania Adventure Challenge

RESUMO DA EXPEDIÇÃO

Duração

De 23 de Março a 7 de Abril de 2019 (16 dias)

Preço

Desde 750€ / Pessoa em 4×4 próprio

Tipo Viagem

Aventura em 4×4 e descoberta cultural

Mauritania Adventure Challenge, uma incrível travessia pelas fantásticas paisagens do deserto do Sahara e descoberta dos povos mauritanos em 4×4!

Com um traçado terreste entre Portugal e a Mauritânia, o «Mauritania Adventure Challenge» é uma grande expedição de aventura focada na descoberta da Mauritânia, um país no coração do deserto do Sahara. 

Se a África Ocidental é um dos destinos preferidos dos aventureiros, a Mauritânia é um pouco mais que isso, é um dos mais espantosos destinos africanos, encerrando algumas das mais incriveís paisagens e culturas do planeta. Conhecer a Mauritânia ao volante de um 4×4 suplantará todas as expectativas. 

Culturalmente a Mauritânia é um lugar à parte. Com uma população dividida entre mouros brancos, mouros negros e negros africanos, esta é uma combinação cultural marcante que torna o país muito atractivo para os amantes das verdadeiras aventuras em 4×4. Ao longo do traçado desta expedição irão ser dados a conhecer alguns dos mais impressionantes cenários do continente africano, como a região de Adrar com as suas dunas épicas, planaltos de uma beleza rara e oásis de fazer parar a respiração. A expedição visitará igualmente as cidades de Chinguetti – a sétima cidade sagrada do Islão – e Ouadane ou o Parque Nacional do Banc d’Arguin, locais declarados património da humanidade pela UNESCO. Outros locais igualmente impactantes da Mauritânia estão na check-list de visitas obrigatórias. 

Poucos lugares no mundo são tão sobrenaturais e desconhecidos como o Sahara mauritano, sendo um grande destino de aventura e uma experiência surpreendentemente acessível.

MAPA E ITINERÁRIO

Itinerário Resumido

1ª Etapa: Coruche – Asilah

2ª Etapa: Asilah – Agadir

3ª Etapa: Agadir – Laâyoune

4ª Etapa: Laâyoune – Dakhla

5ª Etapa: Dakhla – PK 55

6ª Etapa: PK 55 – El Mhaijrat

7ª Etapa: El Mhaijrat – Oued Naga

8ª Etapa: Oued Naga – El Ghreidat

9ª Etapa: El Ghreidat – Chinguetti

10ª Etapa: Chinguetti – Pass du Tifoujar

11ª Etapa: Pass du Tifoujar – Ben Amera

12ª Etapa: Ben Amera – PK 55

13ª Etapa: PK 55 – Laâyoune

14ª Etapa: Laâyoune – Marrakech

15ª Etapa: Marrakech – Tanger

16ª Etapa: Tanger – Portugal

Mapa

Itinerário Completo

1ª Etapa (23/03/2019): Coruche – Tarifa – Tânger – Asilah

Início da aventura em Coruche. Oficializada a partida do Mauritania Adventure, seguimos em direção a Tarifa (Espanha) onde atravessamos o estreito de Gibraltar em ferryboat para Tânger (Marrocos). Quando concluirmos todas as formalidades de passagem de fronteira, poderemos dar continuidade à nossa viagem, já em terras africanas, rumo à final da primeira etapa, cidade de Asilah. Esta foi em tempos a antiga “praça portuguesa” de Arzila, com a sua torre e muralhas fortificadas e uma magnífica medina virada para o mar. Alojamento em hotel 3*.

2ª Etapa (24/03/2019): Asilah – Casablanca – Marrakech – Agadir

Começamos a etapa por autoestrada em direção ao Sul, com passagem pelas cidades imperiais de Rabat, Casablanca e Marrakech. Em seguida, cruzamos o Alto Atlas com destino a Agadir, conhecida como estância de veraneio de praias de areia branca no Atlântico. Alojamento em hotel 4*.

3ª Etapa (25/03/2019): Agadir – Guelmim – Tan Tan – Laâyoune

Início da etapa em Agadir. Seguimos para Guelmim, cidade com o maior mercado de camelos (dromedários) do Norte de África. Continuamos por Tan-Tan em direção a Laâyoune, a antiga capital do “Sahara Espanhol”. Alojamento em hotel 4*.

4ª Etapa (26/03/2019): Laâyoune – Boujdour – Dakhla

Partimos de Laâyoune após o pequeno-almoço e seguimos pela Estrada Nacional nº1, de especial interesse paisagístico uma vez que foi construída entre o oceano e o deserto. Serve também como via de escoamento de frutas e legumes para toda a África Ocidental e de peixe fresco capturado nesse imenso mar. Ao final da tarde, chegamos à península de Dakhla, com as suas águas cristalinas e praias de areia branca, onde centenas de velas de kitesurf pintam o azul do céu. Alojamento em hotel 4*.

5ª Etapa (27/03/2019): Dakhla – Gargarat – PK 55

Deixamos para trás Dakhla e a sua magnífica baía e continuamos em direção à fronteira de Marrocos com a Mauritânia. Durante o percurso observaremos uma passagem emblemática ao cruzarmos o Trópico de Câncer. Tempo para as fotografias da praxe! Continuamos para Sul. Com a nossa chegada a Guerguarat, seguem-se as formalidades de passagem de fronteira. Partimos para a terra-de-ninguém e chegamos à Mauritânia, onde nos espera o representante oficial do Mundo de Aventuras no país. Uma vez mais, teremos que concluir formalidades de passagem de fronteira e, em seguida, continuamos para as dunas do PK 55. Bivouac de grupo no deserto.

6ª Etapa (28/03/2019): PK 55 – P. N. Banc D’Arguin – El Mhaijrat

Por fim, estamos na Mauritânia!!! Este fantástico país guarda um dos mais importantes tesouros do planeta Terra: o imenso deserto do Sahara. Esta é a terra de mouros brancos e negros e é ainda considerada uma das zonas menos habitadas do planeta. Iniciamos a etapa pelo Sahara a dentro. A partir de aqui, temos o deserto no seu máximo esplendor! São quilómetros e quilómetros de deserto de areia completamente plano e a perder de vista. De seguida, temos um enorme cordão de dunas para cruzar, ou seja, há que baixar a pressão dos pneus. Entramos no Parque Nacional do Banc D’Arguin, área protegida que alberga inúmeras espécies de aves migratórias e Património Mundial da UNESCO. Tem na baía de Saint Jean um dos principais pontos de avistamento de aves. Seguimos pela praia com a maré baixa. São 50 quilómetros de paisagens fantásticas com dunas de 50/60m a “caírem” na praia. Terminamos o dia junto à aldeia de pescadores de El Mhaijrat. Bivouac de grupo no deserto.

7ª Etapa (29/03/2019): El Mhaijrat – Nouakchott – Oued Naga

Partimos de El Ghreidat para uma das zonas mais bonitas do Sahara mauritano. Fantásticas formações de rocha negra, rodeadas de dunas de areia laranja, farão as delícias dos participantes do “Mauritania Adventure Challenge 2018”. Cruzamos aldeias e oásis, como Faraoun, Oujeft ou Mhairath e terminamos o dia em Chinguetti. Esta última é considerada a sétima cidade santa do Islão e elevada a Património Mundial da UNESCO no ano 2000. Aqui, podemos visitar a sua antiga mesquita e uma das antigas bibliotecas com manuscritos do século XVI. Após a paragem em Chinguetti, seguimos pelas dunas até ao oásis de Tanouchert. Segue-se um sobe e desce nas dunas junto ao oued Enoui. Bivouac de grupo nas dunas.

8ª Etapa (30/03/2019): Oued Naga – Aguilal Fai – El Ghreidat

Partimos de El Ghreidat para uma das zonas mais bonitas do Sahara mauritano. Fantásticas formações de rocha negra, rodeadas de dunas de areia laranja, farão as delícias dos participantes do “Mauritania Adventure Challenge 2018”. Cruzamos aldeias e oásis, como Faraoun, Oujeft ou Mhairath e terminamos o dia em Chinguetti. Esta última é considerada a sétima cidade santa do Islão e elevada a Património Mundial da UNESCO no ano 2000. Aqui, podemos visitar a sua antiga mesquita e uma das antigas bibliotecas com manuscritos do século XVI. Após a paragem em Chinguetti, seguimos pelas dunas até ao oásis de Tanouchert. Segue-se um sobe e desce nas dunas junto ao oued Enoui. Bivouac de grupo nas dunas.

9ª Etapa (31/03/2019): El Ghreidat– Valeé Blanche – Chinguetti

Partimos de El Ghreidat para uma das zonas mais bonitas do Sahara mauritano. Fantásticas formações de rocha negra, rodeadas de dunas de areia laranja, farão as delícias dos participantes do “Mauritania Adventure Challenge 2018”. Cruzamos aldeias e oásis, como Faraoun, Oujeft ou Mhairath e terminamos o dia em Chinguetti. Esta última é considerada a sétima cidade santa do Islão e elevada a Património Mundial da UNESCO no ano 2000. Aqui, podemos visitar a sua antiga mesquita e uma das antigas bibliotecas com manuscritos do século XVI. Após a paragem em Chinguetti, seguimos pelas dunas até ao oásis de Tanouchert. Segue-se um sobe e desce nas dunas junto ao oued Enoui. Bivouac de grupo nas dunas.

10ª Etapa (01/04/2019): Chinguetti – Ouadane – Atar – Pass du Tifoujar

Começamos bem cedo a etapa pelas dunas que nos conduzem a Ouadane, vila histórica também classificada como Património Mundial pela UNESCO. A parte antiga da vila está em recuperação, era neste local que os portugueses efetuavam trocas comerciais durante os séculos XV e XVI com as tribos locais. Continuamos por um estradão, seguido de uma pista que nos leva a um fantástico desfiladeiro com uma vista soberba sobre a planície. Uma descida vertiginosa em pedra leva-nos à aldeia de Achmakou. Seguimos pelo lago seco até Atar, a capital da região do Adrar mauritano, onde nos abasteceremos de combustível e provisões para os próximos dias. Partimos para o oásis de Terjit e para o Vallée Blanche, local de uma beleza ímpar onde as dunas de cores ocre e laranja sobem a montanha como se quisessem tocar o céu. Terminamos o dia no pass du Tifoujar, local que ficará para sempre gravado na nossa memória. Bivouac de grupo nas dunas.

11ª Etapa (02/04/2019): Pass du Tifoujar – Dunas de Amatlich – Ben Amera

Do pass du Tifoujar, partimos em direção a El Gleitat e El Meddah, aldeias “perdidas” numa das zonas de mais difícil acesso da Mauritânia. De seguida, teremos pela frente as mais altas dunas de toda a expedição, as dunas de Amatlich. Paragem obrigatória para baixar a pressão dos pneus, novamente um sobe e desce sem fim… Continuamos para Choum, onde a ausência de estação de serviço nos obriga ao abastecimento de combustível em bidons de 200 litros. É também nesta cidade, que tomamos contacto pela primeira vez com o mais longo comboio de mundo. São mais de 200 vagões carregados de minério de ferro, que puxados por várias locomotivas formam uma enorme nuvem de poeira à sua passagem. Bivouac de grupo no deserto.

12ª Etapa (03/04/2019): Ben Amera – World’s Longest Train – PK 55

O dia inicia junto ao Ben Amera, este é o segundo maior monólito do mundo (depois do Ayers rock na Austrália), que juntamente com a Aïcha (outro monólito a escaços quilómetros de distância) nos contam uma fantástica história de amor e traição. Visitamos também a Aïcha e as suas fantásticas esculturas, obras realizadas por artistas de vários países europeus e africanos que na passagem do milénio a decidiram embelezar. A etapa desenrola-se ao longo da linha férrea que transporta o minério entre as minas de Zouérat e o porto de Nouadhibou, na costa Atlântica. Iremos cruzamos pequenos erg’s de dunas que nos levarão bem perto da fronteira com Marrocos. Bivouac de grupo nas dunas.

13ª Etapa (04/04/2019): PK 55 – Gargarat – Boujdour – Laâyoune

Levantamos o acampamento sem pressa, pois os serviços de fronteira só abrem perto das 9:00h. Seguem-se as formalidades de passagem e, logo que possível, continuamos pela terra-de-ninguém em direção a Marrocos. Novamente, seguem-se as formalidades de passagem de fronteira. Rumamos a Boujdour, onde o navegador português Gil Eanes (em 1434) dobrou o cabo baptizado com o mesmo nome pela primeira vez. Continuamos viagem para Laâyoune, antiga capital do antigo “Sahara Espanhol”. Alojamento em hotel 3*.

14ª Etapa (05/04/2019): Laâyoune – Tan Tan – Agadir – Marrakech

Começamos bem cedo em direção a Agadir. Aqui, entramos numa moderna autoestrada para Marrakech, mais conhecida como “Cidade Vermelha” e “capital” dos Berberes do sul, com os seus magníficos palácios, o maravilhoso souk no interior da medina e a praça Jemaa El-Fna, onde tudo acontece. É tempo para explorar a medina da cidade, onde se fazem bons negócios de tapeçarias, couros e lanternas artesanais. Opção de jantar tradicional na praça. Alojamento em hotel 4*.

15ª Etapa (06/04/2019): Marrakech – Casablanca – Rabat – Tanger

Aos primeiros raios de sol deixamos Marrakech. Seguimos por autoestrada em direção a Casablanca e Rabat. Após passagem pela capital política de Marrocos, continuamos rumo a norte até avistarmos Tânger, local onde termina a etapa com proximidade ao oceano Atlântico e ao mar Mediterrânico. Alojamento em hotel 4*.

16ª Etapa (07/04/2019): Tanger – Tarifa – Sevilha – Portugal

Partida do grupo em direção ao porto de Tânger. Seguem-se as formalidades de passagem de fronteira. Embarque no ferryboat para Tarifa (Espanha) onde se viverão os últimos momentos de convívio. Com a chegada a Portugal, terminará o Mauritania Adventure Challenge 2018! Será tempo para despedidas e últimas fotografias em grupo. Estamos convictos que na mente de cada participante permanecerá uma grande vontade comum… a de regressar ao deserto do Sahara num futuro próximo!

Informações de Inscrição:

  • Preenchimento de formulário de inscrição
  • 750€ por viatura 4×4 com 1 participante, em quarto duplo/twin.
  • 650€ por participante(s) extra, em quarto duplo/twin.
  • 550€ por adolescente dos 13 aos 16 anos, em quarto triplo com os pais.
  • 400€ por criança de 4 aos 12 anos, partilhando o quarto dos pais.
  • Grátis dos 0 aos 3 anos, partilhando o quarto dos pais.
  • Suplemento single: 200€.
  • O número mínimo de participantes: 12 pessoas.
  • Pagamento de 50% no ato da inscrição, os restantes 50% pagamento até 20 dias antes da partida.
  • Data limite de inscrições: 23 de Fevereiro de 2019
  • Organização, logística da expedição e assistência.
  • Acompanhamento permanente por líder de viagem do Mundo de Aventuras.
  • Assistência mecânica durante o percurso.
  • Segurança oficial durante as etapas na Mauritânia.
  • 7 Noites de alojamento em hotel.
  • 7 Pequenos-almoços em hotel.
  • Fornecimento de track GPS completo, em formato GPX.
  • T-Shirt oficial da expedição.
  • Seguimento online da viagem para família e amigos (SPOT GPS instalado na viatura da organização).
  • Conjunto de fotos diárias enviadas para o Facebook.
  • Suplemento de quarto individual (single): 200€/pessoa;
  • Um seguro pessoal de viagem e assistência, com cobertura de repatriamento, é obrigatório. A organização disponibiliza um seguro para este efeito, de subscrição facultativa pelo valor de: 40€/pessoa;
  • Passagem de ferry-boat Tarifa / Tanger Ville / Tarifa: 150€/viatura e 50€/pessoa (ida e volta);
  • Visto de entrada na Mauritânia: 55€/pessoa;
  • Seguro da viatura para a Mauritânia: 35€/viatura;
  • Trâmites de fronteira: 10€/viatura e 35€/pessoa (inclui aduanas, polícia, gendarmerie e segurança do grupo);
  • Entrada no Parque Nacional do Banc D’Arguin: 3€;
  • Refeições não mencionadas;
  • Combustível, portagens e estacionamentos;
  • Despesas pessoais, despesas com documentação e gorjetas.

A organização dispõe de lugares em viatura 4×4, para pessoas que não possuam viatura própria mas que pretendam realizar uma fantástica expedição de aventura por Marrocos de uma forma cómoda, interessante e divertida.

Esta forma de participação tem um custo de 999€ por pessoa e incluí:

  • Lugar em viatura 4×4 totalmente equipada e preparada para a viagem;
  • Condutor com experiência em viagens de aventura;
  • Todas as componentes incluídas na inscrição, tal como detalhado no programa;
  • Combustível e portagens da viatura;
  • Seguro da viatura para Portugal, Espanha e Marrocos;
  • Ferryboat da viatura, ida-volta;
  • Resolução de possíveis avarias mecânicas ou pneus furados/rebentados.

Se tiver pouco tempo disponível, poderá fazer o regresso a Portugal num voo a partir de Marrakech ou Casablanca (vôos diretos).

As vagas são limitadas, por esse facto recomendamos que, caso esteja interessado/a, reserve com a máxima antecedência possível.

Documentos necessários: Passaporte com validade mínima de 6 meses; documentação da viatura 4×4; seguro da viatura válido para Marrocos; carta de condução.

Não inclui: Despesas com documentação; vôos; refeições não mencionadas no programa; gorjetas; despesas pessoais.

Suplemento single: 200€.

Data: De 23 de Março a 7 de Abril de 2019 (16 dias)

Inscrição: Deve enviar-nos a ficha de inscrição preenchida (clique aqui para aceder) juntamente com o pagamento de 50% do valor de participação.

Preço: Desde 750€ / Pessoa em 4×4 próprio. Desde 999€ / Pessoa em 4×4 da organização

Inclui: Organização, logística da expedição e assistência; Acompanhamento permanente por líder de viagem do Mundo de Aventuras; Assistência mecânica durante o percurso; Segurança oficial durante as etapas na Mauritânia; 7 Noites de alojamento em hotel; 7 Pequenos-almoços em hotel; Fornecimento de track GPS completo; T-Shirt oficial da expedição; Seguimento online da viagem para família e amigos (SPOT GPS instalado na viatura da organização); Conjunto de fotos diárias enviadas para o Facebook.

Não inclui: Suplemento de quarto individual (single): 140€/pessoa; Um seguro pessoal de viagem e assistência, com cobertura de repatriamento, é obrigatório. A organização disponibiliza um seguro para este efeito, de subscrição facultativa pelo valor de: 40€/pessoa; Passagem de ferry-boat Tarifa / Tanger Ville / Tarifa: 150€/viatura e 50€/pessoa (ida e volta); Visto de entrada na Mauritânia: 55€/pessoa; Seguro da viatura para a Mauritânia: 35€/viatura; Trâmites de fronteira: 10€/viatura e 35€/pessoa (inclui aduanas, polícia, gendarmerie e segurança do grupo); Entrada no Parque Nacional do Banc D’Arguin: 3€; Refeições não mencionadas; Combustível, portagens e estacionamentos; Despesas pessoais, despesas com documentação e gorjetas.

Alojamento: O mencionado no programa.

Acompanhamento: Líder de viagem (Nelson Filipe) com apoio de estrutura organizativa (equipa Mundo de Aventuras).

Grupo: Mínimo de 12 pessoas.

Programa: Em função das condições meteorológicas, da condição do grupo ou outras justificáveis, a organização poderá alterar o programa sem pré-aviso.

Seguro de viagem: É obrigatório mas de subscrição facultativa à organização da viagem. O preço do seguro de viagem da organização tem um valor de 40€ por pessoa (condições específicas serão informadas em caso de interesse).

Vacinas: Nenhuma obrigatória.

Importante: A organização não se responsabiliza por qualquer acidente, que possa ocorrer no curso da expedição, mas fará tudo o que estiver ao seu alcance e utilizará todos os meios ao seu dispor para resolver os mesmos, não deixando nunca para trás qualquer participante ou o seu veículo.